Você conhece o Junoca? Hoje é o dia! Vale muito a pena ler isto…

Compartilho com vocês um grande testemunho. Esse vai especialmente para aquelas pessoas que adoram murmurar e reclamar da vida.

“Muito prazer! Sou Maurício Campos Junior e meu apelido carinhoso é Junoca!

Flávia Aleixo e Junoca

Eu não nasci de parto normal. Foi um parto de fórceps (parto que utiliza um instrumento cirúrgico semelhante a uma colher, que se ajusta nos lados da cabeça do bebê para ajudar a retirá-lo do canal de parto, em casos de emergência ou sofrimento fetal). Ao que dizem, fiquei 15 minutos sem ar. Isso pode ser um dos possíveis motivos que ocasionou a paralisia cerebral que possuo.

Eu tenho duas irmãs, uma por parte de mãe, Thaia, e outra por parte de pai, Thainara. Elas duas possuem deficiência também, mas não é física. A mente delas é de criança, mas elas são muito inteligentes, até demais! Elas não moram atualmente comigo.

Eu nunca tive a oportunidade de estudar, mas minha mãe me ensinou a ler. Aprendi a maioria das coisas pela televisão e pelo rádio. Por último aprendi, sozinho, a escrever no computador. Gosto de desenhar e navegar na internet. Faço desenhos e escrevo com o pé utilizando um mouse adaptado. Eu mexo em tudo com o pé, qualquer coisa, e para telefonar eu uso o nariz. Eu nem sei como é que eu consigo fazer tudo isso.

Quando eu era pequeno estava ajoelhado perto da mesa de centro da sala e o cachorro da minha tia foi pegar um chocolate, que estava sobre a mesa, eu me assustei e abri os braços rápido assustando então o cãozinho Polo e, com o susto, ele me atacou mordendo o meu lábio. E a cicatriz está aí até hoje. Já sofri dois acidentes de carro.

Um com minha mãe, por volta de 1980 e o outro quando estava com minha tia, em 1990. No primeiro, o carro capotou e eu quebrei a clavícula. No outro, o carro da minha tia bateu em um poste e eu me choquei contra o pára-brisa e acabei cortando o rosto. Levei quase quatrocentos pontos. Tive também uma ruptura do canal salivar, mas essa, felizmente, cicatrizou. Em decorrência do segundo acidente, o meu olho não fecha direito, mesmo após ter feito algumas cirurgias plásticas.

Minha mãe morreu em 1989, em outro acidente de carro. Ela estava no carro com uma amiga, que não sofreu nada. Minha mãe ficou 27 dias no hospital antes de falecer. Depois da morte da minha mãe, minha irmã Thaia foi morar com o pai dela em São João Del Rei, em Minas Gerais. Eu fui morar com minha tia por parte de mãe, Cintia, mas nos finais de semana ficava na casa dos meus avós paternos, aos quais sempre fui apegado.

Eu era ateu e queria sair de casa. Queria ter um lugar meu. Depois de morar com minha tia, fui morar na 116 sul, apenas com minha enfermeira, Socorro, por cerca de sete anos. Eu fiz essa opção e não me arrependo, pois aprendi muito com essa experiência.

Eu tive muitos “amigos”, alguns deles me levaram a locais de prostituição com freqüência, como o Conic. Eu achava que isso era felicidade, mas sempre me arrependia depois. Era como um ioiô, sempre caindo, pedindo perdão, caindo novamente e assim por diante. Hoje sei que é pecado e que não vale a pena. ‘Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor.’ Romanos 6:23.

Eu já tive depressão, porque eu gostei de alguém. Eu tomava remédio controlado. Depois eu resolvi parar de tomar o remédio, mas minha família achava melhor eu continuar tomando. Graças a Deus, consegui melhorar sem os remédios.

Eu nunca havia escutado sobre Deus e por isso não acreditava que Ele existia. Mas a Socorro pregava para mim diariamente. A primeira vez que ela me levou a uma igreja, não gostei. Depois ela me levou na Assembléia de Deus da L2 Sul (Igreja de um Novo Dia). Ao ouvir a orquestra tocar, a música mexeu comigo e eu disse à Socorro que queria ficar.

Foi assim que a Lili, minha querida amiga, apareceu em minha vida.

Infelizmente a Socorro precisou ir embora e ficou difícil para ir à Igreja. No mesmo ano perdi a minha avó paterna, vovó Loló. Foi um ano bem difícil para mim e por isso estava muito mal. Então um dia a Lili me ligou. Eu a conheci fazia 10 meses antes desse telefonema. Foi no dia que recebi um convite para um café da manhã na igreja e fui sem conhecer ninguém. A única pessoa que falou comigo e pegou meu telefone foi a Lili, mas depois disso perdemos o contato. Foi Deus que fez ela me ligar. Ela e sua mãe faziam questão de me buscar e me levar para Igreja. Foi fundamental para mim a sua ajuda para eu continuar firme na fé. Sou muito grato por todo apoio e ajuda que a Lili e a sua mãe carinhosamente me deram. Espero que Deus a abençoe no seu casamento e por toda vida.

Hoje continuo firme e forte no Evangelho de Jesus Cristo!

Em 17 de dezembro de 2004, me batizei nas águas. Durante o meu primeiro ano na igreja eu não falava com ninguém. Ninguém falava comigo porque achavam que eu não falava. Por outro lado, eu não conhecia ninguém e tinha vergonha e por isso não me manifestava. A Lili nessa época também se afastou. Até que um dia a Tâmara sentou do meu lado e deu um “oi” e eu respondi para ela “oi”. Ela ficou surpresa, pegou na minha cadeira, saiu comigo andando pela igreja e falando para as pessoas: “Gente, ele sabe falar e ler!” Isso aconteceu no período da manhã, no Congresso da mocidade, e quando foi à noite ela já me colocou no Coral da Mocidade. O Pastor Marco José falou sobre mim no Culto. Depois disso todos sabiam da minha existência e falavam comigo. Eu sou muito grato a minha amiga Tâmara, é minha melhor amiga!

Eu tinha muita vontade de trabalhar na Igreja, mas ninguém me dava oportunidade. Mas eu não desisti e continuei tentando, até que um dia conversei com o Magno que gostaria de trabalhar com qualquer coisa, pois não era inútil. Assim que ele ficou sendo o líder da TGC ele me convidou para trabalhar. Fiquei muito feliz e hoje eu dou testemunho da minha vida para as pessoas. Sou muito grato ao Magno por ter acreditado em mim e ter realizado um dos meus sonhos!
Observação: TGC = Tarde da Graça Cristã. A cada segundo sábado do mês vou para uma cidade carente para falar do amor de deus e dar o meu testemunho.

Atualmente vivo com minha tia Bea (Beatriz), por parte de pai, desde que minha avó morreu. Não moro com meu pai, pois ele vive em Goiânia e eu prefiro morar em Brasília, pois a minha vida é aqui e estou acostumado. Todos os dias ouço uma rádio evangélica e essa é uma forma que encontrei de falar de Jesus com minha família. Também fazia parte do coral da Mocidade! Costumo dar testemunho para as pessoas uma vez por mês na (TGC) Tarde da Graça Cristã!

Vivo uma vida normal, afinal de contas, SOU NORMAL e EU NÃO GOSTO quando as pessoas me tratam com pena, como se eu fosse um coitadinho, bebê ou surdo. Eu gosto de sair, ir ao cinema com os amigos e comer fora.

Já tive 3 namoradas. Duas delas eu conheci no Hospital Sarah Kubitschek.
A 1ª foi A ♥JAMILLA♥. O nosso namoro foi só VIRTUAL MESMO!
A 2ª foi A ♥MARINA♥. O nosso namoro foi MUITO REAL MESMO!
E a 3ª foi A ♥VALÉRIA♥. A gente se conheceu no orkut. O nosso namoro foi MUITO REAL MESMO!

Eu sou feliz como eu sou! O meu sonho é pregar a Palavra de Deus na minha cadeira! Além disso, também sonho em casar e ter uma família de verdade! Essa é um pouco da minha história e testemunho!”

Hoje à noite, 29.02.2012, o Junoca dará o seu testemunho, pessoalmente, na Igreja Batista Central, na L2 602/603 Sul, a partir das 20h. Todos(as) vocês estão convidados!

E aí, gente? Vocês ainda continuarão a reclamar da vida?

Obrigada, Senhor, por ter me dado a oportunidade de conhecer o Junoca! Maurício Campos Junior, Deus é contigo e tem o maior amor por você! Continue a espalhar o seu sorriso e a ser esse exemplo para todos(as) nós. Um grande beijo.

Flávia Aleixo.

Anúncios
Published in: on fevereiro 29, 2012 at 12:45  Comments (2)  

Olá! Eu tenho um jogo para jogar com você. Vamos brincar?

Lucas 4:1-13: “E Jesus, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e FOI LEVADO pelo Espírito ao deserto; e quarenta dias foi tentado pelo diabo, e naqueles dias não comeu coisa alguma; e, terminados eles, teve fome. E disse-lhe o diabo: Se tu és o Filho de Deus, dize a esta pedra que se transforme em pão. E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus. E o diabo, LEVANDO-O a um alto monte, mostrou-lhe num momento de tempo todos os reinos do mundo. E disse-lhe o diabo: Dar-te-ei a ti todo este poder e a sua glória; porque a mim me foi entregue, e dou-o a quem quero. Portanto, se tu me adorares, tudo será teu. E Jesus, respondendo, disse-lhe: Vai-te para trás de mim, Satanás; porque está escrito: Adorarás o SENHOR teu Deus, e só a ele servirás. LEVOU-O também a Jerusalém, e pô-lo sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te daqui abaixo; porque está escrito: Mandará aos seus anjos, acerca de ti, que te guardem, e que te sustenham nas mãos, para que nunca tropeces com o teu pé em alguma pedra. E Jesus, respondendo, disse-lhe: Dito está: Não tentarás ao Senhor teu Deus. E, acabando o diabo toda a tentação, ausentou-se dele por algum tempo.”

Se você ainda não assistiu ao filme “Jogos Mortais” ele conta a história de um psicopata que observa a sociedade e quem ele acha que é uma pessoa injusta e que não merece viver, ele a seqüestra e a leva para um lugar, geralmente uma masmorra, e amarra, algema e acorrenta essa pessoa e a tortura de tudo quanto é jeito, principalmente, psicologicamente. Esse filme tem várias sequencias e as histórias desses filmes são uma grande realidade em nosso mundo, porque o diabo tem feito exatamente assim com a humanidade.

A igreja brasileira tem prosperado tanto que tem perdido a consciência da guerra. Estamos numa guerra a qual os Reformadores conheciam muito bem. A pergunta de um verdadeiro cristão ao acordar todos os dias deve ser: Qual será a investida do diabo contra mim hoje? Cruzar com o diabo de vez em quando por aí é muito bom, porque isso significa que vocês estão andando em caminhos opostos ao dele. O problema é quando vocês nunca cruzam com ele por aí, porque isso significa que vocês estão andando lado a lado para o mesmo canto.

A regra do diabo está escrita em João 10:10. O diabo só está nesse mundo para matar, roubar e destruir. Esse é o propósito dele porque o diabo não é bonzinho com ninguém. Sabe por quê? Porque você tem muito valor! Quanto mais fiel você for a Deus, mais alto é o seu preço no inferno. Um dia, mês ou ano de fidelidade a Jesus não faz com que os demônios se mobilizem contra você, mas quando você começa a andar com o Filho de Deus e O obedece, o seu valor aumenta para Satanás. O maior desejo do inimigo é fazer com que os filhos de Deus saiam do caminho do Pai, porque se eles desviarem muitas pessoas deixarão de ser abençoadas, tocadas, curadas, etc.

Certa vez um anjo caiu do céu. Lúcifer era o seu nome que significava “cheio de luz”, “aquele que tem luz”. Entenda que ele não é a luz, ou seja, ele tem luz. Ele não é o sol, ou seja, ele é como a lua que reflete o sol. O problema é que ele confundiu as coisas e achou que a luz fosse dele. Triste da pessoa que se esquece que apenas reflete a luz do Salvador. Nós não passamos de “placas de estrada” apontando para o Filho de Deus! Você não é a resposta de nada! Os homens e mulheres de Deus caem quando eles querem ser a resposta. Em Apocalipse 12 está escrito que Deus mandou o anjo Miguel resolver a situação desse anjo que tentou ser mais que Deus. Lúcifer foi varrido do céu e assim houve guerra no céu! Miguel e seus anjos lutaram contra o antigo dragão e tiraram ele e a corja dele inteira do céu.

Num belo dia Deus teve a brilhante ideia de criar dois “bonecos”: Adão e Eva. A grande questão é que o boneco “feio” (Adão), hoje, não tem problema em ser do jeito que ele é, mas a boneca (Eva), que é 100 vezes mais bonita que o boneco (Adão), se acha feia! Quando Deus criou o homem e a mulher o inimigo viu que Deus estava muito feliz com a Sua criação e os chamou de “minhas delícias”. Perceba que quem era chamado por Deus de “delícia”, antes de existir Adão e Eva, era Lúcifer e ele ficou indignado porque eles dois tomaram o lugar de Lúcifer no coração de Deus. Esse “ex-delícia” passou a ter ódio de Adão e Eva. Entenda que para você ainda há uma saída. Sabe por quê? Porque você foi enganado e quem foi enganado pode ser DESenganado. Perceba que o diabo não foi enganado! Ninguém mentiu para ele! Simplesmente a maldade surgiu no coração dele. Ele teve INVEJA de Deus. E desse dia em diante sabe o que esse bicho tem tentado fazer comigo e com você? Nos enganar!

Qual é a filosofia do capeta hoje? Muito simples! Se ele não casa, ele não permite que você case. Se ele não sorri, você também não vai sorrir. Se ele não tem uma família feliz, você também não terá. Se a casa dele é gritaria, a sua também será. Se ele não tem dinheiro, você também não terá. Se ele não tem um minuto de paz, você também não terá. A cabeça dele funciona assim. Ele está ferrado e quer ferrar a todo o mundo! A filosofia dele é acabar com as pessoas e destruí-las. Você não precisa ter feito nada! Basta ele saber que você vai para o céu e que será irmão(ã) de Jesus para ele te odiar. Esse é o JOGO MORTAL do diabo! Ele simplesmente aparece em sua vida e diz: Oi. Eu quero jogar um jogo com você! E você, CAI!

Quer saber como vencer esse jogo mortal? Siga a estas 10 regras:

1) Ele quer que você acredite que o jogo do jeito de Deus é chato e não funciona: Quem caiu nessa? Adão e Eva. Você já percebeu que o que não podemos ter é exatamente o que queremos? E que o que nós temos não é o que queremos? Exemplos: Namorado(a) dos outros, carro dos outros, a igreja dos outros etc. Adão e Eva comeram exatamente da árvore proibida! A serpente convenceu a Eva de que do jeito de Deus era chato. O diabo sempre tenta nos decepcionar com o Criador. Há pessoas que estão muito mais tristes com Deus do que com o diabo. Ele coloca interrogações em sua mente com relação a Deus. Entenda que o diabo só tem 2 mentiras para contar. A primeira é: Eu não existo. Caso você não acredite na primeira ele te conta a segunda que é: Tudo bem, eu existo, mas a culpa de tudo de ruim que acontece em sua vida é de Deus. E dessa forma a sua vida espiritual enfraquece! Você MORRE espiritualmente!

2) O diabo quer que você troque algo de muito valor por algo de pouco valor: Quem fez isso? Esaú. Trocou a sua primogenitura por um prato de comida! Sabe como era para ter sido o sobrenome de Deus? Deus de Abraão, Deus de Isaque e Deus de ESAÚ! Há garotas por aí fazendo isso o tempo inteiro. Elas trocam a sua virgindade por um IDIOTA! Homens casados, que sempre foram fiéis, trocam suas esposas por meninas mais novas e vice-versa. Casar não é só escolher uma mulher ou um homem, mas é “matar” todos os outros(as). Há pessoas que trocam algo de muito valor, o homem ou a mulher que escolheram casar e passar o resto da vida, por uma aventura.

3) O diabo quer que você faça tudo o que te der na cabeça hoje dizendo que nada de ruim te acontecerá amanhã: Quem caiu nessa? Sansão. Ele não tinha limites! Ele terminou a história dele sendo o bobo da corte, o entretenedor de filisteus. Sabe qual é o pior dia da vida de uma pessoa? O dia em que ela perde o medo das consequências. É o dia em que ela acorda e diz: Hoje eu fiquei corajoso(a) para pecar. O pecado é igual ao câncer de pele, é cumulativo, não aparece na hora! Muitas vezes pecamos e pensamos que vai cair um raio em nossa cabeça, mas nada acontece e continuamos na prática do pecado, porque gostamos, mas num belo dia o preço é cobrado. Pode ter essa certeza!

4) O diabo quer que você use o poder que você tem para conseguir o que você quiser: Quem caiu nessa? O rei Davi. Ele deitou com a esposa de seu comandante. Ele se achou no direito de ter a mulher de seu comandante. O dia em que você exigir o seu direito, será o dia em que você estará mais parecido com Lúcifer. O Filho de Deus não exigiu um direito sequer deLe!

5) O diabo quer que gente sem Deus dê opinião em sua vida: Quem caiu nessa? O filho de Davi, Salomão. Ele foi inteligente no começo da vida, sábio no meio da vida e um jumento no final! É possível o tempo te piorar ao invés de melhorar, viu? Cabelo branco nem sempre significa sabedoria! Salomão se perdeu. Quem tem dado opinião em sua vida? O que está no passado de sua vida está lá por algum motivo. Se não está no seu presente, deixe essa droga no passado! Se Deus tirou alguma coisa de sua vida, por favor, não vá atrás. Essa palavra vai, principalmente, para as mulheres! Mulher tem que ser encontrada, achada. Largue de ser oferecida!

6) O diabo quer que você faça loteria com a sua pureza: Quem caiu nessa? Amnon, filho de Davi. Amnon era filho de Davi com uma mulher e Tamar era filha de Davi com outra mulher. Os dois eram meio-irmãos, mas Amnon cismou de deitar com Tamar. Todas a taras podem surgir dentro de um homem que não tem Deus porque ele não tem o domínio do Espírito Santo. É por isso que hoje há pessoas que fazem sexo com os animais, pessoas que praticam a bestialidade e por aí vai. A Bíblia diz que depois que Tamar atingiu o seu prazer foi maior o nojo que Amnon sentiu por Tamar do que o amor que um dia lhe devotou. O diabo que fazer roleta-russa com a sua pureza para que você não tenha autoridade para falar nada sobre a vida de ninguém.

7) O diabo quer que você use atalhos para conseguir tudo rápido e fora da hora de Deus: A pressa não é do diabo, a pressa é o diabo. Não queime etapas em sua vida! Deus não age porque é pressionado pelo homem. Deus não faz as coisas porque você dá pití. Pití não mexe com Jesus! O que mexe com Jesus é um coração quebrantado. Sabe quem caiu nessa mentira do diabo? Cazuza, Cássia Eller, John Lennon, Kurt Cobain, Janis Joplin, Jimmy Hendrix, Raul Seixas, Jim Morrison, Freddy Mercury, Renato Russo, Elvis Presley, Elis Regina e Mamonas Assassinas, por exemplo. Todos resolveram dar “play” no jogo com o diabo para ter sucesso imediato em troca de suas vidas. Nenhum deles viveu mais que 40 anos. O diabo promete te dar as coisas muito rápido, mas toma numa velocidade muito maior! Se você for vender a alma para alguém, venda para alguém que possa te dar algo que preste no final. Entregue a sua alma para Deus!

8) O diabo quer que você o adore, adorando ao dinheiro: Quem viveu isso? Ananias e Safira. Há pessoas que estão na igreja, mas adoram ao dinheiro, adoram a Mamon!

9) O diabo quer que você o enfrente sem orar, sem jejuar e sem ler a Bíblia: Quem fez isso? Os filhos de Ceva. O demônio pulou em cima deles e eles fugiram pelados. Um demônio, apenas um, bateu em sete de uma vez! Não se enfrenta ao diabo e não se vive a vida cristã sem oração, leitura bíblica e jejum! Acorda!

10) O diabo quer que você duvide de quem você é na hora das lutas: A passagem bíblica citada no início do texto é muito forte! Por duas vezes está escrito que “JESUS FOI LEVADO”. O diabo levou Jesus! Ele colocou uma interrogação na identidade de Jesus quando perguntou a Ele: Se Tu és o filho de Deus… Você pode passar a luta que for na vida, mas não duvide de quem você é. Não duvide de sua filiação. Os problemas não te fazem menos filho(a) de Deus. O mundo pode desmoronar ao seu lado, mas o seu nome continua escrito no livro da vida do Cordeiro. Não duvide disso. JAMAIS!

Agora assista a esses vídeos e largue de ser cobaia do diabo! PARE de apertar o PLAY do inimigo. Não destrua a sua vida. As cenas e palavras são fortíssimas. Prepare-se!

Olá! Eu tenho um jogo para você. Vamos brincar de prostituição?

Olá! Eu tenho um jogo para jogar com você. Vamos brincar de um jogo chamado “sem preconceitos”?

Olá! Eu tenho um jogo para jogar com você. Vamos brincar ser viciados(as)?

Olá, Jesus? Eu tenho um jogo para jogar com você. Vamos brincar? Assinado: Satanás.

Olá, Satanás! Eu sou Jesus e vou te falar algumas verdades.

Decida-se! Você quer continuar a ser um fantoche nas mãos de Satanás? Ele existe e acaba com a sua vida. Faça a sua escolha…

Flávia Aleixo.

Published in: on fevereiro 26, 2012 at 09:47  Deixe um comentário  

Você sabe o que é ser livre?

Muitas pessoas pensam que ser livre é fazer o que quiser da vida, poder fazer tudo o que se deseja fazer… Porém, ser livre, não é simplesmente “fazer o que quer…”.

Ser livre vai muito além disso…

Basicamente ser livre é o contrário de ser prisioneiro.

O que é “prisão”?

Segundo o dicionário “Universal – Língua Portuguesa” (dicionário www.priberam.pt/dlpo/dlpo.aspx) a palavra prisão vem do Lat. prensione ou prehensione. s.f., acto ou efeito de prender; captura; cárcere; cadeia; calabouço; peia; encerramento, clausura; dificuldade nos movimentos; aquilo que cativa o espírito ou o coração; encargo; obstáculo; embaraço; obstipação.

Observe que um dos significados da palavra “prisão’ também é “aquilo que cativa o espírito ou o coração”…

Afinal de contas, o que é “prisão” para você?

Há algum tempo o Espírito Santo de Deus falando comigo, me trouxe um entendimento mais profundo sobre o que é “prisão”. “PRISÃO” é quando não conseguimos parar de fazer algo… mesmo sabendo que aquilo nos faz mal… ISTO É UMA BOA DEFINIÇÃO DE “PRISÃO”.

É quando você NÃO CONSEGUE LARGAR uma coisa que lhe faz mal… Você sabe que aquilo está lhe fazendo muito mal… mas mesmo assim NÃO CONSEGUE LARGAR… Isto é prisão.

Ser livre é exatamente o contrário de ser prisioneiro. E, ao contrário do que muitas pessoas pensam, ser livre não é fazer o que quer, pois muitas vezes as pessoas fazem o que querem e não são livres…

Às vezes, queremos o pior…

Por exemplo, um homem (ou mulher) viciado(a) em drogas pode decidir “torrar” todo o seu dinheiro e todos os seus bens (nas drogas)… Ele simplesmente quer fazer isso… No entanto, se decidir que não quer mais usar drogas, é provável que não consiga parar… isto porque o desejo dele (dela) está “preso” nas drogas, a vontade dele (dela) está “presa” nas drogas. Mesmo sabendo que as drogas fazem muito mal, a pessoa não consegue largar… a pessoa fez tudo o que bem quis… mas não é livre para conseguir parar de usar drogas… pois simplesmente, não consegue parar…

A verdade é que: Ser livre não é fazer o que quer…

Ser livre é:  conseguir dizer NÃO para tudo que lhe faz mal! Isso sim é ser livre!

Ser livre é TER ESCOLHA…

Ser livre é ter opção de escolher o melhor para você! (e não o pior…)

Quem é livre sempre tem opção, sempre CONSEGUE escolher o bem ao invés do mal.

Ser livre é conseguir escolher, sem a “pressão” de ninguém, por livre e espontânea vontade, o que vai lhe fazer bem… e não o que vai lhe fazer mal…

Ser livre é: conseguir DIZER NÃO para o que lhe faz mal!

… É escolher espontaneamente tudo aquilo que lhe fará bem! Aleluia!

Muitas pessoas pensam que o crente é um “prisioneiro” da religião…

Alguns pensam que a tal “vida de santidade” que o crente verdadeiro leva (e proclama) é uma “prisão”, onde a pessoa não pode fazer nada… onde há muitas regras, repressões e tal…

Mas estão completamente enganados…

Na verdade, o crente pode fazer o que quiser… Igualzinho a todas as outras pessoas…

Porém, o diferencial é o seguinte:

O crente (o verdadeiro crente! Aquele que anda em santidade…) É TÃO LIVRE, TÃO LIVRE… que consegue escolher o bem ao invés do mal!

Ele consegue dizer não para o pecado… e sim para a santidade! Aleluia!

(Não sei se você está entendendo a profundidade disso…)

Pare para pensar:

O crente verdadeiro é livre. Por quê?

Porque, ao contrário dos ímpios (Salmos 1:6, Provérbios 4:19), o crente verdadeiro NÃO É GOVERNADO por suas próprias vontades… pelo seu próprio querer… Mas ele é governado pela Palavra de Deus! Por toda Palavra que sai da boca de Deus!

O verdadeiro crente ESCOLHE ser assim! Esforça-se, “paga o preço” do esforço para ser assim…

O verdadeiro crente sabe que, as nossas próprias vontades humanas e naturais são (muitas vezes) podres… e não levarão ao bem… e sim ao mal… ou seja, muitas vezes, nós queremos o pior para nós mesmos…

Muitas vezes, as nossas próprias escolhas nos fazem mal e nos prejudicam…

Quantas vezes eu já vi isso… Até mesmo nas questões sentimentais…

Quantas vezes uma pessoa se envolve com outra que a faz sofrer, que não consegue retribuir o amor… e, mesmo sabendo que aquele relacionamento está fazendo mal para ela… fazendo-a sofrer, não consegue largar…

Muitas vezes, QUEREMOS o pior mesmo… e nem nos damos conta disso…

Ou por ignorância, ou por “burrice”… simplesmente não enxergamos.

Uma das primeiras coisas que eu aprendi na Bíblia foi que:

A vontade de Deus é “BOA, AGRADÁVEL e PERFEITA”…

Esta é a Palavra deLe para nós! (Romanos 12:2)

Logo, aprendi o seguinte: se a vontade deLe é desse jeito, então, com certeza, a vontade deLe é bem melhor do que a minha…

Por isso eu decidi entregar todo o meu querer nas mãos deLe… todas as minhas vontades. Eu decidi entregar e confiar… e até renunciar ao meu querer, se for preciso…

Tudo isso para fazer a vontade deLe… que é muuuuito melhor do que a minha…

Mas o que isso tem a ver com liberdade?

Jesus disse:

“… e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (João 8:32)

É necessário CONHECER a verdade…

E se existe a VERDADE, com certeza, também existe a MENTIRA…

Jesus também disse:

“Eu sou o caminho, a Verdade e a Vida, ninguém VEM ao Pai a não ser por mim…” (João 14:6)

É mais ou menos assim:

A verdade é o bem… A mentira é o mal.

A verdade é de Deus… A mentira é do diabo.

Quando somos livres escolhemos o bem, e não o mal, lembra?

Conhecer a verdade tem tudo a ver com ser livre. “Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”…

(sacou?)

Ser livre É CONHECER A VERDADE…

Conhecer o bem…

Conhecer Jesus…

E… quando você conhece Jesus de verdade, você passa a querer ser como Ele é…

E Ele é Santo! (Jesus é Santo!)

Por isso (por Ele ser Santo) você passa a querer se santificar, viver uma vida santa, andar em santidade aqui na terra…

Ou seja, a santidade faz parte da liberdade…

Ser santo tem tudo a ver com ser livre… Ser livre é ser Santo…

Ao contrário do que muitos pensam, quem anda em santidade (quem é santo mesmo e não vive na prática do pecado) não está “preso” a nada!

Nem à religiosidade, nem aos costumes, nem aos hábitos, nem aos prazeres!

Quem é santo mesmo tem as suas vontades “santificadas”…

Tem seus prazeres e suas vontades “alinhadas” com a vontade de Deus…

Quem é santo, é livre… pois CONSEGUE dizer NÃO para tudo o que não presta! E SIM para tudo o que é bom e certo! (Tudo o que vem de Deus!)

Quem tem escolha e escolhe o que faz bem, é livre! É santo!

Verdadeiramente LIVRE! (verdadeiramente santo!)

Eu posso testemunhar:

Eu sou livre!

Verdadeiramente livre!

Já passei por muitas fases e processos de santificação em minha vida…

E sei que é um eterno aprendizado…

Mas hoje em dia, depois de todo o caminho que já percorri, posso dizer para vocês de dentro para fora, pois é a mais pura verdade: EU VENCI!

Com certeza, não foi pela minha própria força que venci, (foi pelo poder de Deus agindo em minha vida!) Mas a verdade é que EU VENCI!

Hoje em dia eu vivo uma realidade maravilhosa…

As minhas vontades estão cada vez mais alinhadas com a vontade de Deus…

E eu estou cada vez mais apaixonada por Ele…

Hoje em dia tenho cada vez mais nojo do pecado e de tudo que não presta para minha vida…

Por isso posso testemunhar uma coisa: é maravilhoso ser livre!

Vale a pena pagar o preço de ser santo em meio a um mundo corrompido pela imoralidade!

Vale a pena ser servo de Deus!

E o mais maravilhoso: É bom demais ser crente!!!

(É bom demais servir a Deus!)

Não tenho solidão…

Não tenho vazio…

(Eu sou livre! Verdadeiramente livre!)

Eu realmente consigo dizer não para o pecado!

Um “não” que não é apenas da boca para fora… mas é do fundo do meu coração!

Tenho prazer nas pequenas coisas da vida…

Tenho paz interior… a paz que “excede todo o entendimento”…

E que guarda o meu coração. (Filipenses 4:7)

Tenho alegria de viver…

Não há palavras para descrever o amor que sinto dentro de mim… um amor que antes de eu conhecer Jesus não existia…

Um amor que cobre tudo… que supera tudo… que perdoa tudo… QUE CURA TUDO!

Um amor que expressa a Graça deLe! O Favor Imerecido dEle (para nós)…

É bom demais ser crente!

É bom demais ser livre!

E é verdade!

O que a Bíblia diz é a mais pura verdade: A Graça deLe VERDADEIRAMENTE  nos basta!

“Abastece-nos” completamente! (2 Coríntios 12:9)

E isso é para todos…

Todos aqueles que quiserem “de todo coração” encontrá-LO.(Jeremias 29:13)

Todos aqueles que escolherem o bem, o certo (por livre e espontânea vontade)…

A boa, a perfeita e agradável vontade do Criador…

Por isso você também pode ser livre…

Esforce-se para conhecer a verdadeira liberdade! (Mateus 11:12)

Pois o Reino dos Céus é conquistado por esforço!

Olhe para dentro de você, e reflita sobre a sua vida…

Pense em como você tem vivido…

Será que você tem buscado a Deus? Tem se relacionado com o seu Pai Celestial?

Será que você tem separado um tempo para conhecer Jesus?

Você é livre?

Você tem conseguido dizer não para o pecado (e para tudo o que não presta)?

Você tem vencido? Ou tem sido derrotado pelas suas próprias vontades?

Você tem vivido em santidade? Ou na prática do pecado?

Você tem conseguido dizer “sim” para Deus e “não” para o diabo?

Tem conseguido escolher o bem ao invés do mal?

Quais são as escolhas que você tem feito?

Pense nisso…

E faça uma auto-análise…

Veja e reveja sua vida, e passe um “pente fino” nela…

Peça “em nome de Jesus” a santidade de Deus. Que a santidade dEle entre em você!

E saiba que tudo vai mudar a partir de agora!

A partir do momento que você pedir a Ele, a verdade vem, e o conhecimento vem junto com a verdade…

E a verdade entra em você, e o liberta…

Pois a ignorância perdeu! E a verdade venceu!

Agora, o diabo não pode mais enganá-lo com as baboseiras dele! Glória à Deus por isso!!!

Agora você é livre para viver em santidade… Sem acusação e sem preconceitos.

Enfim…

Quem é santo, é livre… Porque CONSEGUE dizer um NÃO do fundo do seu coração, para tudo o que não presta… E sim para tudo o que é bom!

Você tem escolha… escolha o que faz bem, e seja verdadeiramente livre!

VOCÊ QUER SER LIVRE?

“… E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8:32)

Ninguém te ama como Jesus…

Fonte: Sarah Sheeva

Published in: on fevereiro 24, 2012 at 20:08  Comments (2)  

Tire as suas máscaras!

II Samuel 21:15-17: “De novo tiveram os filisteus uma peleja contra Israel; e desceu Davi, e com ele os seus servos; e tanto pelejaram contra os filisteus, que Davi se cansou. E Isbi-Benobe, que era dos filhos do gigante, cuja lança pesava trezentos siclos de cobre, e que cingia uma espada nova, intentou ferir a Davi. Porém, Abisai, filho de Zeruia, o socorreu, e feriu o filisteu, e o matou. Então os homens de Davi lhe juraram, dizendo: Nunca mais sairás conosco à peleja, para que não apagues a lâmpada de Israel.”

O pastor Fabricio começou sua ministração falando sobre o conceito de Metamorfose e disse que toda vez que se lembra dessa palavra o conceito biológico vem a sua mente. Em seguida falou de alguns conceitos que estão ligados à mudança:

Mudança: É a palavra principal do Cristianismo. Conversão: Antes a pessoa seguia o mal, mas agora segue o bem. Santificação: É a mudança de atitude. Antes a pessoa fazia tudo errado, mas agora procura fazer tudo certo. Regeneração: É a mudança de vida. Antes a pessoa estava morta espiritualmente, mas agora está viva. Glorificação: É a mudança de corpo.

A duas primeiras 2 palavras desse texto chamam a atenção: “De novo”. É triste batalhar com os mesmos gigantes. Os filisteus sempre foram os grandes inimigos de Israel. Ciclo é qualquer série que se repete em uma ordem com intervalos. São as áreas que o inimigo já identificou em sua vida. Davi pensava que já havia derrotado todos os gigantes, mas eles se levantavam contra ele de novo. Os ciclos nos mantém escravos de nos mesmos. O inimigo sempre traz a mesma situação, de formas diferentes. Veja alguns exemplos: Sansão, por 4 vezes, disse que havia lutado. Abraão tinha um ciclo de mentira em sua vida. Ele mentiu ao dizer que Sara não era a sua esposa. Jacó tinha problemas na área do engano. Saul tinha um ciclo de julgamento precipitado, ele era desobediente. Judas tinha um ciclo com o dinheiro. Paulo tinha um ciclo tão forte que era um espinho em sua carne e ele pedia graça e força a Deus para que isso acabasse, mas o ciclo voltava.

Existem situações em sua vida que se aquietam. Parece que tudo está bem, mas de repente o gigante que você acreditava ter derrotado ergue-se novamente e, de novo, o gigante se levanta. Pode ser o gigante da ira, depressão, murmuração, ciúmes, do problema com o perdão, da desconfiança, etc e você fica amargurado(a). Um dia você foi forte, parecia ter vencido tudo, estava bem, mas o ciclo voltou e hoje você está mais cansado(a). A Bíblia diz que Davi quase morreu por causa de seus ciclos. Nós não podemos descer ao local da guerra quando temos problemas com ciclos inacabados. O ciclo nos engana, mas o inimigo é o mesmo. A estratégia usada por ele é a mesma, mas muitas das vezes não enxergamos porque o inimigo aparece maquiado. Ele te engana!

Como Davi se livrou desse problema? Davi foi socorrido por Absai, filho de Zeruia. Absai significa: meu dom, minha força. E Zeruia significa: bálsamo. Quando pensamos em erro e falha como a desobediência, por exemplo, pensamos em níveis. Entenda que a Bíblia não olha o pecado como algo individual. Em Isaías 57:20 está escrito: “Mas os ímpios são como o mar bravo, porque não se pode aquietar, e as suas águas lançam de si lama e lodo.” Quando queremos nos livrar de qualquer tipo de ciclo, usamos o poder da vontade. Você vai ao culto, por exemplo, e diz: “Nunca mais eu faço isso!”. Você age pela mente e a luta torna-se vã porque descobre, mais uma vez, a falência e a vontade de como a nossa justiça nos engana, nos machuca e nos leva novamente onde não gostaríamos de estar. Quantas vezes você disse que não faria algo e faz de novo? Quantas vezes você se programa para não fazer algo e faz novamente?

Ouvimos sempre, no mundo secular, que o que queremos e mentalizamos, nós conseguimos. E aí você levanta um ídolo de sua própria vontade, de sua própria força. Em Colossenses 2:23: “As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne.” Quando dizemos para nós mesmos que algo não vai mais acontecer, que vamos conseguir e definimos em nossa mente, confiamos em nossa mente. É uma falsa humildade que não tem valor algum. A força de vontade sempre acaba nos decepcionando. A teologia secularizada é uma furada!

Em II Coríntios 3:18 está escrito: “Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.”. Volte ao tempo onde você é transformado de glória em glória, de fé em fé. Esse versículo não diz que somos transformados pelas nossas definições e vontades, mas diz que somos transformados de glória em glória pelo poder do Senhor. A nossa mudança acontece na hora em que nos aproximamos mais de Deus. Quanto mais você se expõe à glória de Deus, mais você é mudado. É Ele quem nos transforma, é Ele quem muda a nossa história e destrói os gigantes que insistem em se levantar de novo. É por isso que Deus escolhe as coisas loucas desse mundo para impactar as sábias. Ele está atrás de pessoas que se entregam verdadeiramente e não ligam para o julgamento dos outros, ou seja, não ligam para nada!

Você sabe para que as máscaras eram usadas? Para que ninguém fosse reconhecido, mas isso continua até hoje. Nós vivemos dias de máscaras. No texto está escrito “com o rosto descoberto”. Naamã era um leproso por dentro, mas por fora era bom, estava ótimo. Moisés tem um momento maravilhoso com Deus, mas depois ele cobre o brilho do rosto com um véu. Temos máscaras relacionais como a de José. Ele não se revelou aos irmãos como Rei porque estava machucado. Muitas pessoas usam esse tipo de máscara. Pessoas que já se machucaram em igrejas, com pastores e líderes usam máscaras também. Se você julga, prescruta e questiona as igrejas, entenda e aprenda que existe, SIM, gente santa, correta. É melhor você abrir o seu coração, tirar a sua máscara e abraçar ao seu irmão. As máscaras cairão para que a gloria de Deus se manifeste.

Por que com o rosto descoberto? Porque somos transformados quando revelamos a Deus as nossas incoerências. E isso acontece quando dizemos a Deus que um gigante se levantou novamente e precisamos deLe. É quando queremos que um ciclo seja encerrado, quebrado e confessamos isso ao Pai. É quando você quer ser transformado pela glória de Deus.

Seja o melhor de Deus e deixe a glória deLe brilhar em sua vida!

Flávia Aleixo.

Published in: on fevereiro 24, 2012 at 16:58  Comments (1)  

Não deixe a chama apagar!

Isaías 64:1-8: “Oh! se fendesses os céus, e descesses, e os montes se escoassem de diante da tua face, como o fogo abrasador de fundição, fogo que faz ferver as águas, para fazeres notório o teu nome aos teus adversários, e assim as nações tremessem da tua presença! Quando fazias coisas terríveis, que nunca esperávamos, descias, e os montes se escoavam diante da tua face. Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de ti que trabalha para aquele que nele espera. Saíste ao encontro daquele que se alegrava e praticava justiça e dos que se lembram de ti nos teus caminhos; eis que te iraste, porque pecamos; neles há eternidade, para que sejamos salvos? Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniqüidades como um vento nos arrebatam. E já ninguém há que invoque o teu nome, que se desperte, e te detenhas; porque escondes de nós o teu rosto, e nos fazes derreter, por causa das nossas iniqüidades. Mas agora, ó Senhor, tu és nosso Pai; nós o barro e tu o nosso oleiro; e todos nós a obra das tuas mãos.”

Metamorfose só acontece uma única vez. Se precisar se repetir o processo é porque não foi metamorfose. A metamorfose é o processo único do casulo virar borboleta, por exemplo.

Essa palavra é muito séria. Um evento como esse, do congresso de carnaval, é programado por Deus e é compreendido pela liderança da igreja para criar um ambiente especial para que as pessoas se apaixonassem por Deus. Mas há uma questão: Todos nós já tivemos várias oportunidades de nos apaixonarmos por Ele. Por que não conseguimos nos manter apaixonados por Deus? Por que precisamos de novos estímulos para nos apaixonarmos por Deus? Como se manter no fogo de Deus?

Nesse texto Isaías avalia a sua própria espiritualidade e diz que queria que os céus se abrissem e queria ver Deus personificado. Parece que ele diz que está sem fogo, apático, sem vida! Então ele descreve como seria essa experiência. Isaías pede uma experiência séria, uma experiência para ser chacoalhado, completamente mexido.

Há pessoas que caminham de domingo a domingo, de congresso a congresso, recebendo o melhor de Deus nas igrejas, mas quando saem dela o nível de paixão cai. De que tipo de motivação você precisa? O grande desafio não é adquirir paixão, mas manter a paixão! Amar a primeira vez qualquer um consegue, mas manter o amor não é fácil. Por que num congresso você consegue manter isso?

Ladrões da paixão espiritual:

1) Relacionamentos: São as incompatibilidades relacionais. Você se enche de Deus, se apaixona por Deus na igreja, vai para casa e conta ao ao seu marido, por exemplo, como foi o culto. Diz que foi tudo lindo e ele, simplesmente, manda você falar baixo porque ele está vendo TV. É você contar a alguém que acorda às 3h para orar, por exemplo, e a pessoa diz: Isso passa! Sabia que muitas vezes essas pessoas são usadas para provar de que material é feito a sua fé? Você não pode obrigar as pessoas a gostarem da mesma coisa que você. Não desista, tenha paciência. Se você precisar da motivação dos homens para persistir, você desistirá.

2) Dificuldades: A vida é dura mesmo, difícil. No Haiti, por exemplo, houve um terremoto. No começo, no auge da notícia, havia dinheiro e doações de várias pessoas para restabelecer o local. Após o terremoto, quando a mídia parou de falar sobre o Haiti, a paixão por aquele projeto começou a esfriar. Você precisa de dinheiro para fazer a obra? Claro que sim, mas entenda que dificuldades virão! Essa semana, por exemplo, será difícil para aqueles que fizerem novos votos porque o inimigo tentará roubar a sua paixão. O verdadeiro Evangelho fala de todas as promessas de Cristo.

3) Cotidiano: Para este momento o cotidiano é algo muito importante porque o carnaval vai passar e você voltará à sua rotina diária. Se você desanimar por causa disso, tudo o que você construiu nesse período, do congresso de carnaval, será derrubado! Não é todo cristão que sabe lidar com a rotina. Ser cristão no cume do monte é fácil, difícil é ser cristão no trânsito do vale.

Esse texto nos ensina, também, a como manter a paixão por Deus dentro e fora de qualquer congresso. Como a vida fica uma só na presença do Senhor?

1) “Romper o céu… Coisas tremerem… Fogo nos gravetos”. O texto nos mostra uma seqüência de fatos extraordinários e sobrenaturais. Quando tudo começa a ficar monótono as coisas começam a esfriar. O Evangelho não é para ser entendido, mas crido. Tudo é milagre! O grande desafio de uma vida com Deus não é receber o milagre, mas identificá-los. Para ter fé você precisa ver uma cura de câncer? O fato de você ter a sua saúde perfeita já não é um milagre? Você quer se manter apaixonado(a)? Dê glória a Deus porque você respira, porque você é inteligente, porque você tem saúde. Não deixe a naturalidade tomar conta dos seus olhos. Olhe para as coisas com as lentes da sobrenaturalidade.

2) No versículo 4 está escrito: “Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de ti que trabalha para aquele que nele espera.” Ninguém jamais vai merecer o fazer de Deus! Ele em sua soberania, grandeza, excelência e majestade trabalha por você. Ele é soberano e está acima de qualquer circunstância de sua vida. Você quer se manter apaixonado por Deus? Então creia e veja um Deus soberano, porque se você pensar num Deus limitado e circunstancial não vai dar certo, você não conseguirá enxergá-Lo assim. Ninguém jamais consegui ou conseguirá alguma coisa contra Ele. Mantenha-se apaixonado por Deus!

3) No versículo 6 está escrito: “Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniqüidades como um vento nos arrebatam.” A santidade é incompreendida por muitas pessoas porque há pessoas que pensam que santidade é a ausência de pecado. Não meça a santidade apenas pelo fator “pecado”. A noção clara de pecado é que você precisa vencê-lo todos os dias. É você saber que pode cair a qualquer momento, mas não cede. Agarre-se à cruz. Mantenha o padrão corriqueiro e diário da confissão de pecados. Dependa da graça e da misericórdia de Deus que se renova a cada manhã. Dependa de Deus para que você não caia! Só através da santidade que o nosso fogo não se apagará.

Flávia Aleixo.

Published in: on fevereiro 24, 2012 at 16:47  Comments (1)  
%d blogueiros gostam disto: