Condenado por morte de missionária pode aguardar apelação em liberdade

A desembargadora Maria de Nazaré Gouveia, do Tribunal de Justiça do Pará, decidiu que Reginaldo Galvão, condenado pela morte da missionária Dorothy Stang, vai aguardar em liberdade o recurso de apelação da sentença. A decisão ainda será analisada nas câmaras criminais do TJ-PA. A informação é da Agência Brasil.

Maria de Nazaré considerou que o fazendeiro, conhecido por Taradão, preencheu os requisitos legais, por isso, concedeu nesta terça-feira (19/5) a medida liminar. “O direito do réu de apelar em liberdade não lhe pode ser negado se permaneceu solto durante a instrução criminal”, afirmou.

No dia 1º de maio, Reginaldo Galvão foi condenado a 30 anos de prisão em regime fechado sob acusação de ser um dos mandantes do assassinato da missionária de 73 anos. O crime ocorreu em fevereiro de 2005 em Anapu, no Pará. Dorothy Stang, que defendia a criação de assentamentos de sem-terra, teve a morte encomendada por fazendeiros.

Fonte: Consultor Jurídico

Anúncios
Published in: on maio 20, 2010 at 10:54  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://flaviaaleixo.wordpress.com/2010/05/20/condenado-por-morte-de-missionaria-pode-aguardar-apelacao-em-liberdade/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: